São_Miguel.jpg

Já decorrem as obras de reabilitação das Capelas de Nossa Senhora do Socorro e Imaculada da Conceição no Município da Calheta de São Miguel, ilha de Santiago.

Após uma semana do inicio efetivo das mesmas, os Presidentes do IPC, Hamilton Jair Fernandes, e da Presidente da Câmara Municipal de São MiguelHerménio Celso Fernandes, e respetivas equipas, estivera no local para acompanhar o andamento das obras que estão a cargo da empresa MF Group.

Segundo explicou o engenheiro responsável pela obra, até o momento, a equipa já procedeu à remoção dos pisos, reboco das paredes, feito de areia e cal, e que se encontravam bastante degradadas.

Prepara-se, neste momento, a alvenaria para receber novo reboco feito a partir de argamassa de cal, aprovado pela equipa de fiscalização, que chegará em breve de Portugal.

No tocante à cobertura, informou aos Presidentes que os carpinteiros estão a preparar a cobertura de madeira, para a troca com o existente.

Durante a remoção do piso da Capela de Flamengos, a equipa encontrou vestígios de enterramentos no interior. Pelo que fár-se-a uma pausa para uma intervenção arqueológica, antes de prosseguir com os trabalhos.

Para o efeito, a Arqueóloga do IPC, Nireida Pereira (Escuteira Nireida Pereira), esteve no local para as primeiras avaliações antes de dar inicio efetivo as escavações na próxima semana, que ditarão o curso dos trabalhos.

As obras de reabilitação das Capelas de Nossa Senhora do Socorro e Flamengos estão a cargo da MF Group, e prevê-se sua conclusão em dois meses. O projeto de reabilitação destas ermidas foi traçado pela Arquiteta Jandira Teixeira Silva.

Recorde-se que o auto da consignação foi assinado no passado dia 7 de outubro, pelo IPC, ICV (Ministério das Infra-Estruturas, do Ordenamento do Território e Habitação) e MF Group, num ato presidido pelo Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas, na pessoa do Ministro Abraão Vicente.

Últimas Notícias